sábado, 30 de agosto de 2008

Remembering Silvesterkonzert 1988 - Karajan 1908 - 2008


O post de hoje contém um vídeo-documentário sobre o Concerto para Piano e Orquestra nº 1 de Pyotr Ilyich Tchaikovsky , interpretado pela Berliner Philharmoniker dirigida pelo maestro Herbert von Karajan sendo o solista Evgeny Kissin, então com 17 anos. Tal apresentação foi parte integrante do Concerto da Noite de S. Silvestre (Silvesterkonzert 1988) em 31/12/1988.




Neste documentário fiquei finalmente a conhecer a filha do maestro genial, Isabel Karajan e acho realmente emocionante o testemunho de Kissin, relativamente à sua relação com maestro Karajan, então com 80 anos, que o marcou pela credibilidade dos seus julgamentos acerca dele e pela amizade que se desenvolveu entre os dois.
Eu tive vários professores com cerca de mais quatro décadas de idade do que eu (e mesmo um que tinha mais 56 anos de idade) e curiosamente foram eles que me ensinaram que o nosso aperto de mão deve ser vigoroso, porque é um elemento fundamental para nos afirmarmos como pessoas de fibra e confiáveis, junto de quem não nos conhece. Evgeny Kissin refere que o 1º aperto de mão do maestro marcou-o e que a amizade verdadeira de uma pessoa pertencente à geração dos avós dele permitiu libertar nele potencialidades dele próprio que nem conhecia. Num paralelo posso dizer que vivi experiências semelhantes às de Kissin e faço minhas as palavras deste grande pianista.

quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Start Me Up - Rolling Stones


Hoje abro as portas do blog a um grupo que já tem estatuto de lenda do rock, os Rolling Stones e convido-vos a assistir a uma interpretação de Start Me Up no vídeo que se segue. Trata-se de uma apresentação ao vivo do grupo num concerto que eles deram na Ilha de Wight em 6 de Outubro de 2007.



Música cheia de ritmo, soberbamente orquestrada e é impressionante ver como o Mick Jagger, neste vídeo já com 64 anos, mantém uma potência vocal notável e evidencia uma vivacidade em palco fantástica para uma pessoa a entrar na terceira idade.

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Tchaikovsky's Symphony n.5 - Leonard Bernstein 1918 -2008


Para celebrar os 90 anos passados desde o nascimento do grande maestro Leonard Bernstein, hoje convido-vos a assistir à parte final da 5ª Sinfonia de Pyotr Ilyich Tchaikovsky, tocada pela Boston Symphony Orchestra e dirigida por Bernstein. este vídeo faz parte de um concerto ao vivo que, de acordo com as minhas pesquisas na Internet, suponho ter sido de 1974.



O empenho deste músico genial, que pode ser verificado por exemplo na genialidade das suas composições e a sua entrega foram totais e tocaram várias gerações de músicos e apreciadores de música. O maestro no momento em que conduzia estava literalmente noutra dimensão, em perfeita sintonia com a poderosa música de Tchaikovsky que estava dirigir.

sábado, 23 de agosto de 2008

Haydn's Symphony n.88 - Leonard Bernstein 1918 - 2008


Tal como prometido hoje é o primeiro post para homenagear o grande maestro Leonard Bernstein na passagem do 90º aniversário do seu nascimento, que ocorrerá no dia 25 de Agosto. Leonard Bernstein foi um maestro de referência do século passado, um compositor genial e um professor talentoso e, no primeiro vídeo vamos relembrar um ensaio da Sagração da Primavera de Igor Stravinsky com a Scheswig-Holstein Music Festival Orchestra em 1987 onde se pode verificar o talento dele a ensinar jovens, sendo ao mesmo tempo uma simpatia sem por isso diminuir minimamente o nível de exigência em termos profissionais.



Agora convido-vos a assistir à interpretação do 4º movimento (Allegro con spirito) da 88ª Sinfonia de Franz Joseph Haydn onde Leonard Bernstein dirige a Wiener Philharmoniker. Esta apresentação ao vivo ocorreu no Musikverein de Viena, salvo erro em 1984.



Excelente prestação onde no encore assistimos a uma autêntica homenagem que o maestro fez aos elementos da Filarmónica de Viena, eles são músicos de uma tal craveira que quase nem precisam de direcção de orquestra. Além disso ele demosntrou nesta brincadeira a função primordial da expressão corporal num maestro para que toda uma orquestra o entenda nos momentos exactos.

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Night And Day - John Barrowman



Hoje convido-vos a assistir a uma interpretação de luxo de Night And Day a grande música de Cole Porter composta em 1932. O vídeo é uma cena do filme De Lovely (2004), onde a canção é cantada por John Barrowman. Espero que gostem.




Aqui está um exemplo, infelizmente não muito frequente em, minha opinião, em que se fez um trabalho artístico tão bom como faziam os grandes artistas do passado. Respeitou-se o tipo de orquestração idealizado por Cole Porter. Este John Barrowman tem uma grande voz, canta em legato com uma segurança impressionante e o resultado foi electrizante.

terça-feira, 19 de agosto de 2008

Fui Ao Baile - Fernanda Baptista


Relembrando mais uma vez a grande Fernanda Baptista, recentemente falecida, hoje vamos vê-la a cantar Fui ao Baile. Trata-se de uma apresentação ao vivo no programa Parabéns da RTP, da década de 90. No vídeo a Fernanda começa a cantar aos 3:10 minutos. Espero que gostem.



A Fernanda Baptista estava neste vídeo a caminho dos oitenta anos e a dama do fado castiço provou ainda ter uma voz única, com uma potência literalmente brutal. O refrão desta música fica no ouvido, pela melodia e alegria transmitida.
Pela sua bondade e pelo seu enorme talento eu sempre admirei a Fernanda em vida (e só a conheci muito tarde, porque nasci 53 anos depois dela) e tal sentimento se manterá inalterável enquanto eu andar por cá.

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

They Call The Wind Maria - Ed Ames


Voltando à música ligeira hoje convido-vos a assistir Ed Ames a interpretar a canção They Call The Wind Maria. Este vídeo não tem dados nenhuns, mas parece ser uma apresentação da década de 60 num programa de televisão. Espero que gostem.



Há muito poucos vídeos deste barítono fabuloso (é o 2º que ponho no blog) e apesar desta música não ser mais do que mediana (tem um ritmo interessante, mas pouco mais do que isso a meu ver) é um show impressionante de canto (o final da música é realmente espectacular).

sábado, 16 de agosto de 2008

Huapango - Gustavo Dudamel



Hoje convido-vos a ver mais uma interpretação da peça clássica mexicana, Huapango de José Pablo Moncayo pela Orquesta Sinfónica Simón Bolívar, dirigida pelo maestro Gustavo Dudamel. Esta apresentação ao vivo faz parte de um dos concertos dos BBC Proms que ocorreu em Agosto de 2007. Espero que gostem.



Na minha opinião, esta interpretação de Huapango bate aos pontos a da Filarmónica de Berlim dirigida por Plácido Domingo em 2001 no concerto de Verão no Teatro Waldbühne (ver aqui).
O maestro Dudamel consegue retirar das orquestras que dirige um som "límpido"; nesta apresentação identificam-se os vários naipes de instrumentos com uma facilidade incrível e isso deu uma cor fabulosa à música.
O universo musical mundial tem o dever de vir um dia a homenagear José António Abreu, o fundador de El Sistema que tem gerado imensos músicos de grande qualidade na Venezuela entre os quais Gustavo Dudamel, que está a afirmar-se como um forte candidato a maestro de referência universal na música clássica.

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

La Valse - Bizet - Georges Prêtre 84 ans


Hoje, no dia em que o maestro Georges Prêtre faz 84 anos vamos celebrar o dia aqui no blog assistindo a uma das suas últimas interpretações à frente da Wiener Philharmoniker e que faz parte do Sommernachtskonzert 2008, um concerto feito nos jardins do Palácio de Schönbrunn e que neste ano ocorreu no dia 3 de Junho. Trata-se da Valsa (La Valse) de Georges Bizet. Espero que gostem.

1ª Parte:



2ª Parte:



Uma peça que deixa-me ao mesmo tempo desconcertado e profundamente preenchido; tanto tem sonoridades grandiosas (há um uso fabuloso dos graves nesta peça) como sequências perfeitamente inesperadas. Não seria de esperar nada menos poderoso de um homem genial que, por exemplo, com uma mão nem muito cheia de compassos criou uma obra prima universal como é o caso do Bolero. Muito bem dirigida por este grande maestro à frente de um dos melhores conjuntos de músicos do mundo.
Quem quiser relembrar mais interpretações de Georges Prêtre publicadas no blog clique aqui.

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Kleiner Anzeiger - Georges Prêtre 84 ans


No primeiro post para celebrar os 84 anos do maestro Georges Prêtre, cujo dia de aniversário será na próxima 5ª Feira,14 de Agosto, vamos recordar mais uma passagem do Concerto de Ano Novo da Wiener Philharmoniker, que ocorreu em 1/1/2008 no Musikverein.
Começamos por assistir a uma reportagem sobre o ensaio do Concerto do Ano Novo e depois assistimos à interpretação de Kleiner Anzeiger de Joseph Hellmesberger Jr.

1 - O Ensaio



Ele refere duas coisas fundamentais no seu discurso, o poder do silêncio nas relações humanas (quantas vezes os amigos chateiam-se porque não sabem estar calados e entender a linguagem corporal de ambos(as)?) e a alegria que lhe dá as verdadeiras explosões dentro de uma peça musical. É exactamente esta visão da música que me tornou fã das interpretações dirigidas por Georges Prêtre, sendo ele o responsável pelo ressurgimento do meu gosto pela música clássica há cerca de 2 anos, quando o vi a dirigir a Berliner Philharmoniker no concerto memorável de 1992 no Teatro Waldbühne e que vi quatro vezes no canal Mezzo).

2 - A Interpretação




Só assistindo ao DVD (melhor som e imagem) é que se pode verificar a boa disposição dos músicos a interpretar esta peça, que é uma pura manifestação de alegria, do princípio ao fim.

domingo, 10 de agosto de 2008

Hunting High And Low - A-Ha


Hoje vamos poder assistir à interpretação de Hunting High And Low pelos A-Ha ao vivo no Concerto do Prémio Nobel da Paz do ano de 2001, que ocorreu no City Hall da cidade de Oslo. Orquestralmente eles foram acompanhados pela Norwegian Radio Orchestra, dirigida pelo maestro Paul Bateman. Espero que gostem.



Um dos grandes sucessos da banda. Esta música tornou-se universal, sem tempo, na voz do Morten Harket.

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Top Hat, White Tie And Tails - Fred Astaire


Hoje voltamos aos anos 30 e no vídeo que se segue vamos assistir à interpretação do tema principal do filme Top Hat (filme de 1935, realizado por Mark Sandrich), Top Hat, White Tie And Tails, composto por Irving Berlin, cantado e dançado por Fred Astaire. Este vídeo é um excerto do filme.



A música é "apenas" resultado do génio do grande Irving Berlin e o dançarino é "apenas" um dos maiores expoentes da dança do século XX. Esta apresentação é uma verdadeira obra prima. Pessoalmente acho fabulosa a gestão dos silêncios (na coreografia) a partir da altura em que se simula a noite em palco (aproximadamente aos 2:50 minutos).
Ao rever este vídeo lembrei-me que pelos meus 10-12 anos adorava ouvir programas na RTP em que falavam de todos estes monstros do show business das décadas de 30, 40 e 50. Eu tive a sorte de ainda ver vivas na TV pessoas como o Fred Astaire e o Irving Berlin e ficou-me para sempre na memória a postura em público destas personagens de outras eras. Nas suas vidas eles esforçavam-se por evidenciar humildade, nobreza e educação, além da excelência em termos profissionais.
Em 1987, ano da morte do Fred Astaire, lembro-me de o ver dançar na TV com a Ginger Rogers e, apesar de ambos na altura serem muito idosos - especialmente o Fred Astaire que já tinha 88 anos - os dois génios da dança estavam ali e deram um verdadeiro show às novas gerações, onde eu me incluo.

terça-feira, 5 de agosto de 2008

Soldiers' Chorus - Il Trovatore - Verdi 1813 - 2008



Hoje volto a convidar-vos a celebrar o génio do grande compositor italiano Giuseppe Verdi na passagem dos 195 anos do seu nascimento, para hoje assistir a outra peça coral fabulosa que é o Coro dos Soldados da ópera Il Trovatore (1ª Cena do 3º Acto).
Este vídeo é parte de uma apresentação ao vivo desta ópera que ocorreu no Metropolitan Opera House (não é referido o ano, mas pelo aspecto físico do maestro estou a supor que seja do início da década de 90), estando a direcção da orquestra a cargo do maestro James Levine. Espero que gostem.



Uma apresentação de excelência em termos de visual, canto e orquestração. A virilidade das vozes (a atenção dada a este aspecto) aliado a uma orquestração poderosa tornam esta peça memorável para qualquer pessoa que a oiça (pelo menos esta é a minha opinião...).

domingo, 3 de agosto de 2008

An der schönen, blauen Donau - Neujarhskonzert 2005


Hoje convido-vos a assistir a mais uma interpretação da valsa O Danúbio Azul (An der schönen, blauen Donau) de Johann Strauss II e esta faz parte do Concerto de Ano Novo de 2005 (no Musikverein) da Wiener Philharmoniker que foi dirigida pelo maestro Lorin Maazel.



Uma das peças musicais de referência da família Strauss interpretada por uma orquestra de excelência e por um dos maestros de referência do século passado e que já dirige orquestras há 70 anos (está com 78 anos).

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Roberto Carlos e Alcione em dueto


Hoje regressamos à música popular brasileira e para assistir a um dueto de luxo com Alcione e Roberto Carlos em que os dois cantam as seguintes canções:
  • Estranha Loucura - Alcione
  • Falando Sério - Roberto Carlos
  • Mil Razões - Alcione
  • Além Do Horizonte - Roberto Carlos
  • Meu Ébano - Alcione
  • Nega - Roberto Carlos
Esta apresentação ao vivo faz parte do programa especial do Roberto Carlos, gravado em 1/12/2007. Espero que gostem.



Este dueto é uma obra prima, resultado da junção de duas pessoas super simpáticas, grandes profissionais e cheios de ritmo. Ficou um exemplo de dois sessentões que literalmente borrifaram-se para as suas idades, apresentaram-se ao vivo e deixaram o público a seus pés (o Roberto Carlos já está com 67 anos e mantém a voz ainda em bom estado, é para mim um gosto ouvi-lo a cantar).